Praça Francisco Leonel Filho (Chiquinho Leonel)

por Câmara de Indiaporã última modificação 22/01/2018 15h57
Praça Francisco Leonel Filho (Chiquinho Leonel), na cidade de Indiaporã, é onde está localizada a Capela Nossa Senhora Aparecida, foi denominada através da Lei 118/2004 Indiaporã SP 23/12/2004

===========================================================================================

Lei 118/2004 Indiaporã SP 23/12/2004 - Praça Francisco Leonel Filho (Chiquinho Leonel)

===========================================================================================

FRANCISCO LEONEL FILHO (Chiquinho Leonel)India Bonita

               Casado com dona Olímpia Luísa de Morais, tiveram 7 filhos: Maria Aparecida Leonel de Morais, Doracina Leonel de Morais, Carlos Leonel de Morais, Walter Leonel de Morais, Elizabeth Leonel de Morais, Élen Leonel de Morais e Eliana Leonel de Morais.

               Vieram de Paulo de Faria, em 1937, juntamente com o sogro, o senhor Luís Antônio do Amorim.

               Chiquinho Leonel se agregou ao sogro, onde plantou roça e criou animais e, em 1939, incentivou o sogro a fundar uma vila em sua propriedade. A idéia foi aceita e em 1940, nascia a Vila de Indianópolis.

               Chiquinho Leonel mudou-se para a vila e, como era alfaiate, exerceu a profissão por aproximadamente 7 anos, época em que ingressou no serviço público como servente, passando posteriormente para inspetor de alunos, cargo este que exerceu até se aposentar.

               Como cidadão social, participou de todos os eventos que trouxeram o progresso para nossa terra. Foi leiloeiro arrojado em prol da construção da igreja matriz. Trabalhou incansavelmente junto ao deputado estadual, Cunha Bueno, na criação do distrito de paz e se empenhou muito na criação do município de Indiaporã.

               Enquanto vivo, participou como Presidente de mesa de todas as eleições.

               Exerceu o cargo de vereador, de 1977 à 1982, quando foi Presidente da Câmara Municipal (1977/1978).

               Embora tenha feito apenas o 4º ano letivo no Grupo Escolar de Guaraci, gozava de uma cultura invejável. Tinha boa caligrafia e era poeta, e nos orgulhamos de inserir nesta obra um de seus poemas prediletos.

               Duvido que tenha passado por aqui alguém que amou Indiaporã tanto quanto o meu compadre Chiquinho Leonel, pois era um entusiasta apaixonado por esta cidade.

               Viveu aqui com alegria, fez tudo o que gostava, dançava, contava piadas inteligentes e era defensor de boas idéias.

=====================================================================

Texto extraído do Livro Memórias de Indiaporã, Editora Ferjal, ano 2000, Adelino Francisco do Nascimento, páginas 379 e 380.

=======================================================================